Topeng: O Dança-Drama Balinês

Topeng: O Dança-Drama Balinês

23 a 27 de Julho de 2019

Horário: Terça a Sexta das 19h às 22h e Sábado das 10h às 13h

Onde:  Centro de Pesquisa da Máscara

Endereço: Rua Bamboré, 518 – Próximo ao Metrô Alto do Ipiranga

Investimento: R$300,00 à vista (Parcelamento disponível pelo PagSeguro)

Inscrições Abertas!

INSCREVA-SE
Carga horária

15 horas

Ministrantes

Igor Amanajás

Público-alvo

Atores, bailarinos, palhaços e estudantes de teatro

Descrição do Curso

A proposta de curso tem por fim expor de maneira teórica e prática o treinamento técnico básico aos interessados no teatro Topeng. O curso visa proporcionar ao participante as práticas corporais de gestos, ações e movimentos precisos característicos do dança-drama, o jogo das máscaras balinesas, bem como a investigação de uma representação artística cultural ímpar que engloba em seu fazer a música, a dança dramática, a máscara e o improviso em uma linguagem cênica tradicional. Espera-se que o contato com tal forma espetacular crie condições para uma nova experiência cênica.

Investimento

R$300,00 à vista através de transferência ou depósito

Parcelamento disponível pelo PagSeguro

INSCREVA-SE
Contato

Rua Bamboré, 518 – Bairro Ipiranga
CEP: 04278-060 – São Paulo SP – Brasil
contato@centrodepesquisadamascara.com
Tel/Fax: +55 11 23687906

Professores
Igor Amanajás
Professor

Igor Amanajás é ator, pedagogo teatral e diretor. Graduado pela Unicamp em 2008, pós-graduado em Nova Iorque no “The Lee Strasberg Theatre and Film Institute” em 2010. Pesquisa a linguagem da máscara teatral e o treinamento do intérprete para a cena. Trabalhou com Heloísa Cardoso (Unicamp), Maria Thaís e Cris Lozano (Núcleo Experimental de Artes Cênicas do SESI), Donato Sartori (Itália), Enrico Bonavera (Itália), Paul Curtis (American Mime Theater – NY), Ana Bogart (SITI Company – NY) e Jeremy James (Theatre du Soleil). Em 2011 mudou-se para Bali – Indonésia onde estudou com o mestre de teatro Topeng – I Made Djimat e retornando em 2014 para aperfeiçoamento das técnicas balinesas. Como pedagogo foi professor colaborador do curso de Artes Cênicas da ECA – USP sob coordenação de Alice K. e Elisabeth Lopes. Na Unicamp, foi assistente de direção em montagens como “A Noite da Iguana” com direção de Márcio Tadeu e “Polaroids” dirigido por Alice K.
Na mesma instituição coordenou e dirigiu, de 2010 até 2014, o núcleo de pesquisas voltado ao estudo de linguagens e treinamento da máscara cênica, dando origem ao grupo “Filhos da Imundície”, que em 2013 estreou seu primeiro espetáculo – “Decameron”. Na Escola Superior de Belas-Artes concluiu sua pós- graduação em “História da Arte: Teoria e Crítica” onde publicou o artigo “Drag Queen – Um percurso histórico pela arte do ator transformista”. Atualmente é Mestre em Artes da Cena pela Unicamp tendo desenvolvido sua pesquisa sobre a arte do ator do dança-drama balinês de Topeng e desenvolve seus estudos de Doutorado na mesma instituição sob orientação da Profa. Dra. Marília Soares. Também é professor titular de interpretação no curso de formação técnica na escola de teatro musical 4 Act Performing Arts desde 2014.